(31) 3281-9605

Meu Carrinho

0 item(ns) - R$0,00
Você ainda não adicionou produtos.

Comissão de Ensino

O ensino numa escola de psicanálise se apoia na concepção de que a formação de um psicanalista é uma formação permanente. Isso implica dizer que o ensino é necessário porém não suficiente para abordar o que se pretende como transmissão – efeito que leva em conta algo do real em sua formulação.

O Aleph - Escola de Psicanálise vem sustentando um ensino articulado aos diversos espaços de transmissão numa configuração que chamamos circuitos. Assim, os espaços se articulam num movimento moebiano, em que a transferência de trabalho aponta o norte para que, no coletivo de analistas e não analistas, cada um desenhe o traçado de seu percurso.

A partir de 2016, o Aleph abriu mais um espaço de [ensino e] interlocução: o Projeto Circuito para Formação Permanente, uma aposta dirigida preferencialmente “aos que chegam” seja à escola, seja à psicanálise, com vistas à construção de uma superfície comum que possibilite a cada um, a seu tempo, fazer sua própria formação permanente.

Em 2017, os espaços oferecidos pela Escola terão como ponto de interseção a pergunta/tema de nossa Jornada anual “Por que a Psicanálise?”

A proposta é que, num movimento de constante articulação teórico-prática, possamos trabalhar os conceitos no estreito desfiladeiro que sustenta a especificidade da psicanálise como marca de subversão do saber, tal como Freud nos legou, e Lacan nos faz avançar.

Assim, a Escola se compromete a fazer vigorar a proposta de um ensino que, ao se fazer não-todo, permita relançar a causa da psicanálise a cada vez, em cada espaço de trabalho.

 

COMISSÃO DE ENSINO
Carolina Nassau Ribeiro
Elisa Arreguy Maia
Mônica de Almeida Belisário